Voos espaciais podem ter muitas aplicaA�A�es que vA?o alA�m da astronA?utica. Pesquisadores do LaboratA?rio de PropulsA?o a Jato (JPL) da NASA estA? empregando os mesmos mA�todos de sequenciamento e anA?lise de examinaA�A?o de bactA�rias durante a montagem de naves espaciais em um estudo que investiga micrA?bios possivelmente associados a histA?ricos de cA?ncer de mama. A tA�cnica, antes empregada para combater a contaminaA�A?o de outros mundos com microrganismos terrestres, agora estA? sendo empregada para salvar vidas na Terra.

a�?Aplicamos tA�cnicas de proteA�A?o planetA?rias no primeiro estudo com microrganismos no lA�quido ductal da mama humanaa�?, explica Parag Vaishampayan, cientista de biotecnologia e proteA�A?o planetA?ria do JPL.A� A pesquisa consiste em analisar bactA�rias encontradas em mulheres que sofrem ou sofreram de cA?ncer de mama com mulheres que nA?o tA?m a doenA�a.

Os pesquisadores estudam uma secreA�A?o liberada naturalmente pelas glA?ndulas mamA?rias. As substA?ncias retiradas de mulheres com cA?ncer de mama apresentaram a presenA�a de algumas bactA�rias, vindas do sistema ductal da mama. Este A� o primeiro estudo que tenta encontrar relaA�A�es entre o tecido mamA?rio e essas bactA�rias.

a�?NA?s ainda nA?o sabemos o suficiente sobre as diferenA�as entre um seio saldA?vel e outro com cA?ncer […]a�?, disse a Doutora Susan Love, co-autora da pesquisa. a�?No entanto, todos os cA?nceres de mama comeA�am nos dutos de forma tA?o clara que [estudar os dutos] A� fundamental para descobrir o que faz com que o cA?ncer de mama ocorra e como podemos erradicar essa doenA�aa�?.

ApA?s juntar um grupo com 48 mulheres a�� 23 saudA?veis e 25 com histA?rico da doenA�a -, as instalaA�A�es do JPL da NASA foram utilizadas para examinar as bactA�rias encontradas. Essas instalaA�A�es servem para analisar as peA�as de foguetes, sondas e naves espaciais. Os pesquisadores examinam cada peA�a e se certificam que microrganismos terrenos nA?o vA?o nem contaminar outros locais do espaA�o e nem contaminar os prA?prios astronautas ou eventuais amostras coletas no espaA�o.

As tA�cnicas de isolamento, anA?lise de DNA ou RNA e testes comportamentais do JPL serviram muito bem para essa pesquisa. a�?A colaboraA�A?o entre especialistas em tecnologia espacial do JPL e mA�dicos pesquisadores continuarA?o a impulsionar descobertas inovadorasa�?, comenta Vaishampayan.

Este trabalho A� um dos primeiros resultados da NASA para a ideia de tornar as tecnologias feitas na agA?ncia uma utilidade para a saA?de. Recentemente, peixes douradores foram criados na EstaA�A?o Espacial Internacional (ISS) para entender a perda A?ssea dos astronautas. Os resultados irA?o ajudar tanto missA�es tripuladas futuras para locais distantes como Marte quanto as pesquisas para fA?rmacos e tratamentos para osteoporose.

Via Site da NASA