No ano passado, o planeta anão Ceres despertou muita curiosidade nos pesquisadores que trabalham com a sonda Dawn, da Nasa. Agora, novas fotos publicadas pela agência mostram uma aproximação incrível da sonda em Ceres, o sobrevoo mais baixo feito até agora.

As imagens foram feitas durante os dias 19 e 23 de dezembro de 2015, onde a sonda Dawn estava a uma distância de 385 quilômetros de distância da superfície do planeta anão.

PIA20191_ip

As imagens mostram a cratera Kupalo, uma das crateras mais jovens em Ceres. O processamento da imagem em alta resolução mostra o material da cratera, brilhante, que pode ser sais.

A superfície plana pode ser formada a partir de material fundido através de impactos e detritos. Recentemente, foram encontrados ‘pontos luminosos’ na cratera Occator e, agora, alguns estudos irão buscar pistas para confirmar se ambas as crateras são feitas do mesmo material.

“Esta cratera e seus depósitos recém-formados serão um alvo preferencial de estudo para a equipe do Dawn e a sonda continua a explorar Ceres em sua fase de mapeamento final”, disse Paul Schenk, membro da equipe que trabalha com a sonda.

Foram captados uma densa redes de fraturas no chão; uma cratera na Lua da Terra, Tycho, tem fraturas semelhantes. A cerca de 32 quilômetros da cratera Dantu há encostas íngremes, chamadas escarpas e cumes. Provavelmente foram formados quando a cratera desmoronou parcialmente durante o seu processo de formação.

PIA20193_ip

Dawn começou a estudar mais profundamente sobre Ceres em meados de dezembro de 2015. Um espetrômetro de mapeamento visível e infravermelho está examinando como vários comprimentos de onda de luz são refletidos por Ceres, o que ajudará a identificar minerais presentes em sua superfície.

A sonda permanecerá em sua altitude atual durante o restante da missão principal, que acaba em 30 de junho de 2016.

“Quando começamos a missão em Ceres, esperávamos ser surpreendidos. Ceres não nos decepcionou”, disse Chris Russell, principal pesquisador da missão. “Onde quer que olhemos nestas novas observações a baixa altitude, vemos formas de relevo surpreendentes que fazem parte do caráter único deste mundo incrível”.

PIA20194_ip

A missão da sonda Dawn é a primeira a visitar um planeta anão. Chegou em Ceres em 6 de  março de 2015.

Fonte: Nasa